sábado, 11 de fevereiro de 2012

« Antes de escrever alguma coisa vou justificar uma paragem repentina num outro "mini-livro" que estava a fazer, de nome Procura Entender-me. Estava no 4º capitulo e realmente sentia-me empolgada em continuar, porém dei muito de mim nesse "livro", quero eu dizer, que estava a por demasiado a minha história nele, o que fazia sentir-me bastante nostálgica. Ele era um retrato de um passado menos feliz que tive, e quando ia escrever o 5º capitulo do mesmo, reparei que fazê-lo estava a magoar o meu subconsciente não "cicatrizado"  na sua totalidade. Por essa única razão, importante demais para mim, decidi por como rascunho esse mini-livro, com a promessa de que um dia, quando escrever nele não for tão "sufocante" para mim, irei acaba-lo, pois penso que é realmente uma história fantástica, tão fantástica que é incrível como ela é a " historia " da minha vida.. »


* * * 


A uns tempos vi num blog uma coisa bastante interessante : fazer um determinado número de cartas, para destinatários diferentes. Generalizando, eu tinha de criar uma espécie de lista de cartas, que teria de escrever para alguém, ou alguma coisa, cidade, objecto, imagem, etc. Sei que era uma espécie de corrente, que existe pessoas que têm acesso a essa "lista" mas eu não sei onde procurar, por isso vou deixa-lá a minha imaginação, sendo eu a criar os assuntos, e na altura que for para escrever em função deles, bem nessa altura vou dar o meu melhor para ver até onde esta paixão pela escrita ressuscita por entre os escombros da decadência de tempo. A propósito, engraçada esta sinédoque.
Bom, espero que consiga criar assunto para que no mínimo sejam umas 10, por ai, por isso se alguém ainda lê aquilo que escrevo (rsrsrs) e tiver alguma ideia brilhante para cartas que gostariam de ver feitas por mim, que comente e dê ideias, estou aberta a sugestões.

* * * 

Lista de cartas:

Carta a um desconhecido.
Carta a um ex-amor.
Carta para o pai .
Carta inspirada por uma imagem.
Carta para alguém que faleceu.
Carta a beira mar.
Carta a um violador. ( meio tensa esta, não? )


( Estou sem ideias, se alguém quiser me ajudar a ter novos títulos para cartas está a vontade, a próxima vez que vier ao blog vou escrever a primeira que aparece na lista, a propósito, se alguém souber dessa corrente de cartas que me diga por aqui, gostava de tirar algumas ideias de lá, beijiinhos * )

8 comentários:

  1. Carta para um sentimento mau. :D

    ResponderEliminar
  2. Se quiseres, podes ir ao meu blog ver a lista das cartas, está na secção "cartas". Gostei do teu blog, sigo :)

    ResponderEliminar
  3. Obrigada Cats, por visitares o meu blog e pelo comentário :)
    Adorei o teu blog. Acho este desafio interessante, passarei por aqui para ver as cartas :)

    ResponderEliminar
  4. gosto muito (:
    http://trueofmyhistorylife.blogspot.com
    vê se gostas (:

    ResponderEliminar
  5. muito obrigada por seguires o meu blog. acontece que eu já ultrapassei o limite máximo de blogs que posso seguir. podes pôr os seguidores vísiveis? só assim dá mpara seguir :D

    ResponderEliminar
  6. obrigada por essas palavras, linda. eu sei que tudo passa, até porque já vivi isto antes, com a mesma pessoa. mas depois de tudo, voltar ao mesmo, custa tanto*

    ResponderEliminar
  7. o tempo encarrega-se de sarar todas as nossas feridas. só que por vezes, há aquelas que teimam em ficar á superfície e das quais nós nunca nos esquecemos.

    ResponderEliminar

- Espero que tenhas gostado do meu texto, ao comentar gostaria que mostrasses a tua opinião. Obrigada beijinho :)